Estudos mostram que pelo menos 40% da população terá um episódio de dor aguda na região encefálica, por ano. As causas das dores de cabeça são inúmeras, e inúmeros também são os tipos de dor. Fatores como intensidade, localização da dor, tempo de duração da crise, podem ajudar a identificar qual o tipo de dor de cabeça você está tendo no momento.

O tipo mais comum de dor de cabeça é aquele causado por tensão. Cerca de 90% dos casos esporádicos de dor são provenientes de tensão. Episódios de estresse físico e mental, o alto consumo de café e bebidas alcoólicas e a falta de sono também estão associados a esse tipo de dor que é difusa, no alto da cabeça e da testa, segundo informações do Instituto de Neurociência e Neurocirurgia de Liverpool, na Inglaterra¹.

A cefaleia em salvas ocorre em apenas um lado da cabeça e geralmente acompanha uma dor intensa no fundo do olho deste mesmo lado. Dura de 15 minutos a 1 hora e pode ocorrer diariamente, durante semanas. Não tem uma causa comprovada, porém, cigarro, álcool e alimentos superindustrializados estão ligados às causas. Mudança na pressão atmosférica (causadas ou não por viagens de avião) e aumento excessivo na temperatura também podem causar este tipo de dor. Olhos podem lacrimejar e o nariz pode passar a apresentar coriza. Neste caso, o aconselhado é procurar um médico para o diagnóstico completo.

A famosa enxaqueca geralmente ocorre em um dos lados da cabeça e costuma durar horas, ou até mesmo dias. Em alguns casos a enxaqueca pode causar sensibilidade à luz e ruídos, além de alterações visuais. Neste caso o neurologista deve ser consultado para a prescrição de medicação. Compressas frias na área do pescoço costumam aliviar as crises.

A sinusite também é uma causadora de dores de cabeça. A inflamação que ocorre nos seios da face congestiona o nariz e ‘entope’ as vias nasais, causando a dor. Para auxiliar no alívio da congestão nasal, é possível utilizar o Dilatador Nasal Interno Flux Air, que é um método totalmente natural, sem a influência de medicação e sem efeitos colaterais. Ele age impedindo que as paredes do nariz se fechem, permitindo uma respiração livre e de maior qualidade.

Além destes existem outros tipos de de dores de cabeça que podem vir em decorrência da alimentação, uso de perfumes, e até certos medicamentos podem acarretar uma sensibilidade maior à dor.

No vídeo a seguir, algumas técnicas de massagem que podem auxiliar no alívio das dores.

OBS: Nem as massagens e nem a utilização do Flux Air substituem a consulta a um médico. Em caso de dores intensas, procure um neurologista.
Fonte: https://www.terra.com.br/